Workshop sobre “Desvio de Biorresíduos” organizado pela NTUA

No passado dia 18 de novembro foi organizado, pela Universidade Técnica Nacional de Atenas, um Workshop sobre o desvio dos biorresíduos dos aterros sanitários, no âmbito do projeto LIFE PAYT. Este evento contou com a presença de representantes do Departamento do Meio Ambiente do Ministério da Agricultura, Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente do Chipre, bem como do Município de Larnaka. O Workshop incluiu diversas apresentações que pretenderam mostrar as possíveis formas de desviar os biorresíduos dos aterros sanitários. Além disso, foi dada atenção à valiosa contribuição dos sistemas PAYT na aceleração do desvio de biorresíduos dos aterros. O evento contou

Read more

Projeto LIFE PAYT reúne com o Tribunal de Contas Europeu (TCE)

A coordenadora do projeto LIFE PAYT, Célia Dias Ferreira reuniu no dia 19 de novembro 2019 com o Tribunal de Contas Europeu (TCE), nas instalações da Agência Portuguesa do Ambiente, para explicar os objectivos alcançados e os obstáculos à implementação do projeto LIFEPAYT em matéria de gestão de resíduos. A presença do TCE em Portugal insere-se numa auditoria a decorrer às ações da UE para combater e diminuir os resíduos de plástico. Esta auditoria, que abrange também os outros Estados-Membros, tem a finalidade de conhecer as práticas e os obstáculos na gestão dos resíduos plásticos ao longo de toda a

Read more

Condeixa: Nova viatura vai medir o lixo e aliviar a fatura de quem mais recicla

O município de Condeixa-a-Nova acaba de receber uma nova viatura de recolha de resíduos indiferenciados que pretende responder à implementação do sistema PAYT, que se prevê entrar em vigor no primeiro trimestre de 2020, beneficiando quem mais separa o lixo reciclável. A nova viatura de recolha de resíduos urbanos indiferenciados, com capacidade para 15 m3, foi adquirida no âmbito da candidatura designada con(DEIXA)-à-PORTA, efetuada ao POSEUR (Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos), representando um investimento de quase 155 mil euros, cofinanciados em 85% por aquele programa, sendo o restante assegurado pelo Município. Este novo veículo será agora

Read more

Projecto quer levar cidadão a pagar apenas o que deita no contentor de lixo

“LIFE PAYT” Instituto Politécnico de Coimbra lidera desenvolvimento de sistema que pode reduzir valor da tarifa da gestão de resíduos sólidos na factura da água. O Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) está a desenvolver um projecto que permite que cada cidadão pague apenas o lixo indiferenciado que deita fora e que reduz o valor da factura da água. Em comunicado ontem divulgado, o IPC adianta que o projecto “LIFEPAYT”, que está em fase de testes, com amostras da população, em Lisboa, Aveiro e Condeixa-a-Nova, tem como objectivo «que os cidadãos paguem apenas o que deitam no contentor do lixo indiferenciado e

Read more

Politécnico de Coimbra desenvolve projeto para reduzir tarifa de resíduos sólidos na fatura da água

O Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) está a desenvolver um projeto que permite que cada cidadão pague apenas o lixo indiferenciado que deita fora e que reduz o valor da fatura da água, foi hoje anunciado. O IPC adianta que o projeto “LIFEPAYT”, que está em fase de testes, com amostras da população, em Lisboa, Aveiro e Condeixa-a-Nova (Coimbra), tem como objetivo “que os cidadãos paguem apenas o que deitam no contentor do lixo indiferenciado e separem mais em casa para terem acesso a uma tarifa mais justa”. Em Lisboa e Condeixa-a-Nova o sistema aplica-se aos produtores comerciais e, em

Read more

Coimbra desenvolve projeto para reduzir tarifa de resíduos sólidos na fatura da água

O Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) está a desenvolver um projeto que permite que cada cidadão pague apenas o lixo indiferenciado que deita fora e que reduz o valor da fatura da água, foi hoje anunciado. Em comunicado enviado à agência Lusa, o IPC adianta que o projeto “LIFEPAYT“, que está em fase de testes, com amostras da população, em Lisboa, Aveiro e Condeixa-a-Nova (Coimbra), tem como objetivo “que os cidadãos paguem apenas o que deitam no contentor do lixo indiferenciado e separem mais em casa para terem acesso a uma tarifa mais justa”. Em Lisboa e Condeixa-a-Nova o sistema

Read more

Condeixa em projecto para reduzir tarifa de resíduos sólidos na factura da água

O Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) está a desenvolver um projecto que permite que cada cidadão pague apenas o lixo indiferenciado que deita fora e que reduz o valor da factura da água, foi hoje anunciado. Em comunicado enviado à agência Lusa, o IPC adianta que o projecto “LIFEPAYT”, que está em fase de testes, com amostras da população, em Lisboa, Aveiro e Condeixa-a-Nova (Coimbra), tem como objectivo “que os cidadãos paguem apenas o que deitam no contentor do lixo indiferenciado e separem mais em casa para terem acesso a uma tarifa mais justa”. Em Lisboa e Condeixa-a-Nova o sistema

Read more

Interesse pela compostagem: 37% dos inquiridos mostraram-se interessados

Para compreender o que o cidadão pensa sobre a compostagem, o projeto LIFE PAYT realizou um inquérito na zona de intervenção do sistema PAYT (pague-apenas-o-que-deita-fora), que está a ser implementado no bairro da Forca, em Aveiro. Apenas dois entre os 76 inquiridos utilizam os resíduos orgânicos para fazer compostagem. Um deles é Rui Jorge Sousa, que há sete anos faz compostagem no quintal de sua casa. Ele relata que o cultivo de frutas e verduras tornou-se um hábito, e não considera um esforço fazer compostagem para depois ver os bons resultados no morango e na alface. “Basta depositar os resíduos

Read more

Em Lisboa, os contentores vão dar sinal quando estiverem cheios

Publicado por Smart Cities | Mar 25, 2019 | Notícias, Resíduos “Mais tecnologia, mais limpeza”, diz o município de Lisboa. A capital portuguesa está a instalar sensores inteligentes em diversos contentores de resíduos sólidos espalhados pela cidade, esperando-se que, em breve, esta rede tenha, pelo menos, 2 600 unidades instaladas. O município de Lisboa está a colocar sensores de leitura volumétrica em vários contentores de resíduos sólidos, quer subterrâneos, quer de superfície, que, segundo a autarquia, vão “imprimir mais eficácia na recolha do lixo e na gestão dos recursos”. Estes sensores estão já disponíveis nos 750 contentores subterrâneos (eco-ilhas) que

Read more